STAMPKASE fala sobre próximo disco e nova line-up

 

        

Metaleiros modernos portugueses STAMPKASE anunciam que eles continuam ansiosos para gravar o sucessor do álbum de estreia «Mechanorganism» em 2012, apesar das mudanças de line-up que eles passaram no último ano. A banda de ilhas dos Açores deixa claro que desistir não é uma possibilidade e que há até mesmo novos sons sendo desenvolvidos. 

"Estamos cientes de que muitas pessoas pensam que fomos derrubados após André (vocal) e Bruno (guitarra) deixarem a banda após 10 anos. Foi de fato um grande revés, mas este é realmente algo muito trivial nos reinos de música. A coisa mais importante é que ainda estamos escrevendo e ansiosos para recrutar os melhores músicos para substituí-los. Na verdade, isso é algo que temos vindo a trabalhar duramente, ultimamente e parece que pode ser que tenhamos fumo branco sobre isso em breve. Algumas músicas foram escritas, uma vez que Nuno (baixista) também é capaz de tocar as guitarras. Assim, temos a certeza de alguns grandes riffs irá transformar-se em algo de bom, quando toda a banda estiver junta novamente. " 

STAMPKASE irrompeu de sua terra vulcânica em 2003 e desde então eles se tornaram uma das bandas mais bem sucedidas mas que nunca saiu dos Açores. Eles ganharam o Concurso aclamado Música Angra Rock in 2005 e dividiram o palco com bandas como Mnemic [Den], Exilia [ITA], Fear My Thoughts[GER], Dagoba [Fra] e muitos mais. 

Em 2010 eles começaram a gravar seu álbum de estréia, que teve Daniel Cardoso [Anathema, Angelus Apatrida, Anneke van Giersbergen] na manipulação da mixagem e masterização. Para o Artwork, a banda recrutou o assistente de arte Colin Marcas [Kataklysm, Exodus, Nevermore].